0

'Festeiros profissionais' contam destaques de festas de São João no NE: Campina Grande é opção


Campina Grande-PB. Foto: Divulgação.

Ao longo do mês de junho, do Pelourinho, em Salvador (BA), à lagoa da Jansen, em São Luís (MA), o Nordeste deixa de lado o axé e as praias para consagrar o forró e as megafestas de São João.

No agreste, Campina Grande (PB) e Caruaru (PE) esperam receber mais de 2 milhões de pessoas cada uma. A primeira vai promover 30 dias de festejos, que começam em 3 de junho. Na cidade pernambucana, a comemoração tem abertura programada para o dia 4.

Recentemente, Mossoró (RN), a 270 quilômetros de Natal e a 240 quilômetros de Fortaleza (CE), entrou no circuito das festas juninas que atraem turistas forasteiros. E capitais como Salvador e São Luís, de olho nas cifras geradas pelos eventos do interior, também passaram a incrementar seus arraiais.

A reportagem ouviu habitués dessas cinco grandes festas, que indicam aqui os destaques da temporada na região.

SÃO LUÍS (MA)

Em junho, a cidade abre espaço para o bumba-meu-boi – encenação folclórica que mistura dança, teatro e percussão. "Os bois que os turistas não podem perder são Boi de Morros, Brilho da Lua e Boizinho Barrica", indica o taxista ludovicense Jean Barros, 38.

Os arraiais são sede de quadrilhas, danças portuguesas e barracas de comida típica: arroz-de-cuxá, peixe frito, torta de caranguejo e tiquira (aguardente roxa de mandioca). Os locais com melhor estrutura, segundo Barros, são os da lagoa da Jansen e os do Ipem e do Ceprama.

Turistas no centro Histórico no São João de Salvador em 2015. Foto: Divulgação .

MOSSORÓ (RN)

O São João de Mossoró é aberto com o Pingo da Mei Dia, bloco junino com bandas e trios elétricos. "É um Carnaval fora de época", conta a técnica em enfermagem Andreina de Moura Dantas, 26, que vive na cidade.

Outro ponto alto, para ela, é o Chuva de Bala, espetáculo que conta a história de resistência da cidade ao bando de Lampião. Shows, quadrilhas, encontros de sanfoneiros, feiras de artesanato, barracas de comida típica e o Circo do Forró completam o evento, que tem como centro a Estação das Artes Eliseu Ventania.

CAMPINA GRANDE (PB)

As atrações se concentram no parque do Povo, que recebe concursos de quadrilha e grandes shows – Elba Ramalho se apresenta sempre no dia 23.

O enfermeiro Francisco Dantas Neto, 30, que nasceu e mora na cidade, diz que só perde uma das 30 noites de festa porque precisa dar plantão. Ele recomenda provar a cachaça de Areia (PB) e conhecer o Bar do Cuscuz, que serve comida típica.

"Das barracas de restaurantes, gosto mais das do Mororó e do João de Barro." Outro ponto alto é a Locomotiva Forrozeira, que vai até o distrito de Galante com um trio de forró em cada vagão.

CARUARU (PE)

Na capital pernambucana do forró, o São João tem cinco polos com fogueiras gigantes, quadrilhas e shows de até 300 artistas.

A estudante caruarense Itacira Martins, 27, gosta de passar os dias no Alto do Moura, bairro cheio de ateliês de ceramistas, museus e bares. À noite, ela costuma ir para o pátio de eventos Luiz Gonzaga, onde ocorrem shows de forró.

"As festas de comidas gigantes também são divertidas: tem canjica, bolo de macaxeira, bolo de tapioca." No mês todo, restaurantes da cidade montam anexos nos polos; os favoritos da estudante são o Via Regional, o Don Peppone e o Estação Florêncio.

Show de Elba Ramalho no São João de Salvador em 2015. Foto: Elói Corrêa/Divulgação.

SALVADOR (BA)

A capital baiana tem investido e feito um São João tão movimentado quanto o de cidades do interior, segundo o publicitário José Aurélio Santana, 34, que nasceu e vive em Salvador.

O centro histórico reúne as principais atrações: na praça Terreiro de Jesus são realizados grandes shows enquanto as minipraças do Pelourinho recebem grupos de forró. Além das comidas típicas juninas, as barracas servem acarajé, vatapá, abará, caruru, moqueca e licores de tamarindo e cajá.

"O Cantina da Lua, no Terreiro de Jesus, centro da ação, tem uma carne de sol com aipim deliciosa", diz Santana.

Fonte: Folha de S. Paulo

Nenhum comentário

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.