0

GE compra empresas de impressão 3D para fazer peças de avião

Motor da GE: a empresa já usa a impressão 3D na fabricação de bicos de combustível de motores de avião. Foto: Jim R. Bounds/Bloomberg News.

A gigante industrial GE anunciou nesta terça-feira (6) que vai comprar duas fabricantes europeias de máquinas de impressão 3D, a Arcam AB e a SLM Solutions Group, por 1,4 bilhão de dólares (cerca de 4,5 bilhões de reais).

A ideia é aproveitá-las para inovar na produção de componentes de aviões.

A companhia espera que o novo negócio gere receitas de 1 bilhão de dólares até 2020 e traga ganhos em eficiência de 3 a 5 bilhões de dólares nos próximos dez anos.

"A manufatura aditiva (como é chamada tecnicamente a impressão 3D) é uma parte central da evolução da GE para uma empresa da indústria digital", disse em nota Jeff Immelt, CEO e presidente do conselho da companhia.

Segundo ele, a corporação está preparada para ser cliente e também uma das principais fornecedoras desse tipo de tecnologia.

Os dois acordos de compra serão fechados por meio de oferta pública de aquisição de todas as ações em circulação de cada empresa. A operação ainda depende de aprovações regulatórias.

Ao fim do processo, ambas irão responder a David Joyce, presidente da GE Aviação.

Reforço 3D

Desde 2010, a GE investiu cerca de 1,5 bilhão de dólares em tecnologias de impressão 3D. Por meio do seu braço de ciência dos materiais, já registrou 346 patentes na área de metalurgia do pó – processo de produção de peças a partir de pó metálico.

Ela é líder na utilização de componentes metálicos "impressos" em 3D e já produz bicos de combustíveis para motores de aeronaves da Boeing e da Airbus, por exemplo.

Segundo a empresa, mais de 11.000 motores com peças feitas a partir desse processo já estão em fabricação. Até 2020, a produção deve subir para 40.000.

"A manufatura aditiva se encaixa no modelo de negócios da GE de ser líder em tecnologias que alavancam a integração de sistemas, ciência dos materiais e produtividade digital", disse Joyce, que comanda a GE Aviação.

O braço de impressão 3D ficará concentrado na Europa, mas vai utilizar o ecossistema global da GE. A empresa já possui laboratórios produção e pesquisa no assunto em Nova York e na Pensilvânia, nos Estados Unidos.

Quem são as compradas

A Arcam AB tem sede em Mölndal, na Suécia. Ela tem 285 funcionários e faturou cerca de 68 milhões de dólares no ano passado.

A companhia inventou uma máquina de fusão por feixe de elétrons para impressão 3D à base de metal e também fabrica pós metálicos avançados. Seus clientes são da indústria aeroespacial e de saúde.

Já a SLM Solutions é baseada em Lübeck, na Alemanha, e fabrica máquinas a laser para impressão 3D. Ela tem clientes na área aeroespacial, de energia, saúde e automóveis.

Suas receitas somaram 74 milhões de reais em 2015 e ela tem aproximadamente 260 funcionários.

A GE tem em torno de 300.000 empregados e faturou 11,4 bilhões de dólares no ano passado. 

Fonte: Exame

Nenhum comentário

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.