0

Mãe é expulsa da primeira classe em voo porque bebê não parava de chorar

Arielle Noa Charnas com a filha Ruby: problemas em voo da Delta. Foto: Reprodução do Instagram.

A blogueira de moda Arielle Noa Charnas embarcou num voo da Delta Airlines de Nova York para Los Angeles com o marido e a filha de 9 meses, em 29 de dezembro.

Mas antes mesmo de decolar, uma comissária de bordo pediu a ela que fosse para a parte de trás do avião porque outros passageiros da primeira classe estavam chateados e reclamando do choro da bebê.

Arielle contou que comprou os assentos na primeira classe para que a filha Ruby pudesse dormir num espaço mais confortável, mas quando a menina começou a chorar os outros passageiros ficaram olhando de cara feia para ela e a aeromoça pediu para ela ir sentar no fundo do avião. “Eu comecei a chorar porque eu estava muito estressada e ansiosa e em vez de a comissária ser útil e compreensiva ela agravou a situação”, disse a blogueira, que se recusou a sair do lugar.

A situação toda foi relatada numa publicação no Instagram onde mais de 22 mil pessoas curtiram e comentaram indignadas com a postura da companhia aérea. Um porta-voz da Delta disse à revista “People” que “os atendentes de voo da Delta são treinados para fornecer transporte seguro e excelente atendimento aos clientes. Apoiamos totalmente todos os passageiros que viajam na classe de serviço para a qual pagaram”.

A mãe embalou a filha pelo avião e a menina, finalmente, se acalmou. “Durante a decolagem, Ruby adormeceu no meu ombro”, contou a mãe para a “US Weekly”.

Fonte: Extra

Nenhum comentário

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.