0

Companhia aérea diz que corpo foi deixado em João Pessoa por engano


Em contato telefônico com a família de Iara Otero Ferreira, 60 anos, nesta segunda-feira (10), a companhia aérea Latam pediu desculpas pelo que chamou de "engano".

A família que mora em Santarém, oeste do Pará, estava com tudo preparado para o velório de Iara, mas o corpo não chegou no voo em que foi embarcado.

"A Latam entrou em contato com a família para pedir desculpas pelo transtorno. Eles disseram que houve um erro quando o avião pousou em João Pessoa, por isso o corpo da minha esposa foi desembarcado lá. E se comprometeram a enviar o corpo para Santarém em voo que tem horário previsto para chegar às 02h55", contou Juarez Ferreira.

Entenda

O corpo da mulher que morreu no Rio de Janeiro e que seguia em um voo previsto para chegar a Santarém, no oeste do Pará, nesta segunda-feira (10) foi "extraviado" pela companhia aérea Latam.

Inicialmente, de acordo com informações de familiares de Iara, a companhia aérea informou que não sabia o que havia ocorrido. Posteriormente, informou que o corpo havia sido localizado no estado da Paraíba.

Em nota, a Latam disse que o caso estava sendo apurado e que o corpo deve chegar a Santarém na madrugada de terça-feira (11).

Segundo familiares, a companhia aérea informou que o corpo de Iara Otero Ferreira, de 60 anos, foi deixado por engano na Paraíba e será transladado para Santarém nas próximas horas.

Iara Otero estava no Rio para tratamento de saúde. Ela passou por uma cirurgia para retirada de pedras nos rins, seu estado de saúde se agravou e ela morreu na última sexta-feira (7). A família começou a preparar o funeral e o translado para Santarém. Segundo familiares, o corpo estava marcado para chegar às 2h50 desta segunda ao Pará.

Os familiares aguardavam para realizar velório na casa onde ela morava. No aeroporto, foram informados que o corpo de Iara não estava no voo 3370, que teve escala em João Pessoa (PB) e em Brasília antes de chegar a Santarém, conforme informações da companhia aérea.

O marido de Iara, o militar Juarez Ferreira, informou que o corpo da esposa saiu do Rio de Janeiro por volta das 16h. Segundo ele, houve negligência por parte da companhia. “Os representantes daqui de Santarém não sabem nada, não sabiam informar onde o corpo estava. Agora há pouco fui informado que o corpo está na Paraíba”, afirmou.

Juarez disse ainda que a família está em estado de choque. O militar afirmou que vai acionar a justiça para que os responsáveis pelo erro sejam penalizados. Uma das filhas do casal está grávida de 9 meses e está sob cuidados médicos. “Sem palavras. Dá vontade de sair gritando e reclamando. Nossas filhas estão em estado de choque”, finalizou.

Em nota, a companhia aérea Latam Airlines Brasil lamentou o ocorrido e informou que está em contato com os familiares de Iara. A companhia esclareceu ainda que está tomando as medidas necessárias para o transporte do corpo, programado para chegar em Santarém na madrugada desta terça-feira (11).

Fonte: G1

Nenhum comentário

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.