0

Turistas brasileiros têm dificuldade para escapar do furacão nos EUA

Turistas de São Paulo sofrem para voltar pra casa por conta do furacão Irma.

O movimento de chegada de passageiros no Aeroporto de Guarulhos foi grande durante toda a sexta-feira (8).

Muitos vieram da região da Flórida, nos Estados Unidos, que está sob ameaça de um furacão. Com o tráfego aéreo sob atenção, sete voos, que partiriam ou chegariam de Miami foram cancelados.

Rafael Arnone ficaria até segunda-feira (11), mas conseguiu antecipar o retorno para São Paulo. “Tinha filas para tentar mudar o voo ainda, tinha pessoas desesperadas e não sabiam o que fazer, o aeroporto estava lotado, esteiras travadas, malas todas uma em cima da outra, até o aeroporto de Miami não está acostumado.”

Mas nem todo mundo está conseguindo voltar e algumas pessoas, como o José Roberto Paz, que está com problemas mais sérios. Ele tem problemas de saúde em decorrência de um transplante de coração feito no ano passado. Se ficar sem o remédio, que já está acabando, pode ter rejeição ao órgão.

O voo de volta seria neste sábado (9), mas foi cancelado. E não tem previsão de quando vai conseguir outro. “Os meus remédios estão acabando, eu tenho esse problema que não posso ficar sem os remédios. Eu ainda tenho esperança de que eu consiga com o médico aqui e que consiga passar essas medicações pelo menos a receita que eu possa comprá-los.”

Adriano Ricardo Capatto também teve o voo cancelado. “A nossa companhia aérea não atende mais o telefone, não dá satisfação, há uma previsão de sair de Orlando na quarta-feira, mas nada confirmado. Nós tentamos comprar passagem por outros estados americanos para ir para o Brasil, mas as empresas aéreas estão aproveitando a situação e não há passagens por menos de R$ 10 mil.”

A Aviança foi procurada pelo SP2, mas ainda não se pronunciou sobre o caso.

Turistas brasileiros têm dificuldade para escapar do furacão nos EUA (Foto: Reprodução/TV Globo).

Fonte: G1

Nenhum comentário

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.