1

Por que as TVs em aviões podem entrar em extinção


O entretenimento a bordo de aeronaves comerciais pode estar prestes a sofrer mudanças drásticas: para economizar, aéreas começam a extinguir a tela multimídia que fica nas costas dos assentos.

De acordo com Dan McKone, diretor da consultoria L.E.K, que deu entrevista ao New York Times sobre o tema, cada tela pode custar US$ 10.000, além de aumentar o peso do avião – o que impede que sejam transportados mais passageiros. Além disso, as telas usadas a bordo rapidamente se tornam obsoletas e devem ser substituídas.

Dados estes fatores, empresas como a American e a United Airlines já começaram a oferecer um serviço wifi que permite aos passageiros interagir com conteúdo através de seus dispositivos pessoais. Aeronaves mais novas dessas empresas já dispensaram as telas acopladas nas poltronas para voos nacionais, e voos internacionais também podem ver essa mudança eventualmente.

Para o especialista contatado pelo Times, a tendência é que, desde já, cada vez mais voos domésticos substituam totalmente as telas nos aviões pelo uso dos smartphones e tablets individualmente.

Empresas brasileiras já refletem essa tendência do “traga seu próprio dispositivo”. A Latam, por exemplo, oferece o app LATAM Enterteinment, com filmes, séries, música e notícia em voos nacionais ou dentro da América Latina. Já a Gol usa o GOL Online, e a Avianca Brasil foi a primeira aérea da América do Sul a oferecer internet em suas aeronaves. Ambos os produtos usam WiFi e funcionam nos celulares e tablets dos passageiros.

Fonte: InfoMoney

Um comentário:

  1. Matéria gentilmente enviada pelo leitor do AEROJOAOPESSOA, Rômulo.

    ResponderExcluir

Agradecemos sua participação!

Aerojoaopessoa. Copyright © 2012 - 2016. Todos os direitos reservados. Tecnologia do Blogger.